O Duque e Eu

Título: O Duque e Eu
Série: Os Bridgertons
Volume: 1
Páginas: 288
Autor: Julia Quinn
Ano: 2013
Editora: Arqueiro (cortesia da mesma)
Compre: Submarino Americanas - Saraiva 
Adicionem: Skoob
Sinopse: Simon Basset, o irresistível duque de Hastings, acaba de retornar a Londres depois de seis anos viajando pelo mundo. Rico, bonito e solteiro, ele é um prato cheio para as mães da alta sociedade, que só pensam em arrumar um bom partido para suas filhas. Simon, porém, tem o firme propósito de nunca se casar. Assim, para se livrar das garras dessas mulheres, precisa de um plano infalível. É quando entra em cena Daphne Bridgerton, a irmã mais nova de seu melhor amigo.Apesar de espirituosa e dona de uma personalidade marcante, todos os homens que se interessam por ela são velhos demais, pouco inteligentes ou destituídos de qualquer tipo de charme. E os que têm potencial para ser bons maridos só a veem como uma boa amiga. A ideia de Simon é fingir que a corteja. Dessa forma, de uma tacada só, ele conseguirá afastar as jovens obcecadas por um marido e atrairá vários pretendentes para Daphne. Afinal, se um duque está interessado nela, a jovem deve ter mais atrativos do que aparenta. Mas, à medida que a farsa dos dois se desenrola, o sorriso malicioso e os olhos cheios de desejo de Simon tornam cada vez mais difícil para Daphne lembrar que tudo não passa de fingimento. Agora ela precisa fazer o impossível para não se apaixonar por esse conquistador inveterado que tem aversão a tudo o que ela mais quer na vida.

Oie pessoal! Tudo bem?

Hoje trago a resenha do livro O Duque e Eu, da autora Julia Quinn, lançado pela editora Arqueiro, cortesia da mesma.

Quem é que nunca sonhou com um homem como Simon Basset? Gentil, lindo e com sedutores olhos azuis? (risos)

O livro conta a história de Daphene uma dama que para a época está na idade para casar, e Simon um duque que jurou para si mesmo nunca casar e ter filhos, mas a pergunta é depois de se conhecerem quanto tempo mais essa promessa durará?

Para um livro de época Julia Quinn conseguiu deixar tanto os personagens masculinos inteiramente na época, quanto as femininas.

Muitas vezes lemos livros de épocas e encontramos atos, falas ou até mesmo roupas que para a época seria inaceitável, mas a autora desse livro conseguiu fazer com que Daphene por mais que fosse mais evoluída para a época se encaixasse bem na história.

Uma mulher como ela com pensamentos próprios não seria bem vista pela sociedade, mas Julia Quinn conseguiu fazer com que o temperamento forte de Daphene e seus ideais fossem aceitos pela sociedade nem que um pouco por de baixo dos panos.

Uma coisa interessante também que é bem original da época e que a autora conseguiu descrever perfeitamente era as damas por assim dizer fofoqueiras da alta sociedade, sabiam de tudo e falavam de tudo, até do que não sabiam.

No começo de cada capítulo encontramos uma crônica de uma lady desconhecida, tanto de sobrenome quanto de pessoa em si, que fala das pessoas da alta sociedade e dos acontecimento com um bom humor e as vezes um pouco negro que só essa autora desconhecida tem mesmo.

Amei ler esse livro, pois muitas vezes que leio algum livro de época acabo por ficar agoniada com algo que os autores descrevem ou com algum acontecimento que eu sei que se eu vivesse na época não aceitaria.

E é claro não posso deixar de citar os maravilhosos vestidos da época tanto dos mais simples e lindos aos mais chamativos e atraentes!

Eu com certeza se tivesse nascido nessa época necessitaria de um de cada, ou melhor de todos os vestidos possíveis que o meu dinheiro da época me permitiria comprar! (risos)

Espero que gostem desse livro, pois é maravilhoso de se acompanhar. A história nos passa uma moral muito boa, por mais complicados que sejamos, e quando encontramos alguém que amamos e que nos aceitem até nossas vidas complicadas passam a fazer sentindo no lado dessa pessoal.

Sinceramente pessoal creio que esses oito irmãos com nomes em ordem alfabética nos faram nunca desistir do verdadeiro amor, seja ele simples, complicado, imperfeito ele sempre nos fará bem!

Enfim até uma próxima,

Bjs, Nay =D