Amor Sem Limites

Título: Amor Sem Limites
Série: Rosemary Beach
Volume: 4
Páginas: 192
Autor: Abbi Glines
Ano: 2014
Editora: Arqueiro (cortesia da mesma)
Compre: Submarino - Americanas - Saraiva 
Adicionem: Skoob
Sinopse: O destino fez de tudo para afastá-los. Mas o amor os uniu. Blaire Wynn conheceu Rush Finlay num momento muito difícil da vida dela, logo depois de perder a mãe e a casa em que morava. Filho de um astro do rock, Rush vivia num mundo de luxo, sexo sem compromisso e total despreocupação com o futuro. Exatamente o oposto de tudo o que Blaire conhecia. Mesmo com tantas diferenças, a paixão entre os dois foi arrebatadora. Porém Rush guardava um segredo de sua família que levou ao fim do namoro e a um período de tristeza absoluta para o casal. Mas eles já não sabiam viver um sem o outro e cederam de novo àquele sentimento irresistível. Agora Blaire está grávida, eles estão felizes e planejam se casar. Mas nem tudo está garantido. O pai de Rush chega trazendo más notícias e novamente os antigos problemas de família podem fazer com que os dois se afastem.

Oie pessoal! Tudo bem?

Hoje trago a resenha do livro Amor Sem Limites, da autora Abbi Glines, lançando pela editora Arqueiro, cortesia da mesma.

Bom acho que todos aqui já tem uma ideia de como é os livros da Abbi certo? Que ela consegue nos fazer chorar, rir, arrancar os cabelos, às vezes isso acontece tudo junto, separadamente e às vezes quando vemos já matamos mentalmente certos personagens e nem nos tocamos!

E dessa vez não foi diferente, temos um pequeno ataque cardíaco – pelo menos eu tive – por causa das maluquices da Nan – sim ela incomodando de novo – mas felizmente a dona Abbi não nos tortura muito dessa vez.

Não sei vocês, mas já reparei que nos livros da Abbi, ela começa com algo maravilhoso, vai até o meio bom, e no final algo ruim, ou ao contrario e por assim vai, nesse livro começa tudo as mil maravilhas, e chega em um ponto agoniante, mas que volta a ficar bom, rapidamente.

Amor Sem Limites continua a história do Tentação Sem Limites, ele nos apresenta a vida da Blaire e do Rush com a gravides, mostra que a Nan é uma mimada ao extremo, isso era óbvio, só ficou um pouco mais na cara agora.

A narrativa da autora continua sendo maravilhosa, para terem uma noção de tão bom que é eu devorei o livro em dois dias!

Encontrei alguns errinhos, mas que com certeza passam despercebidos no decorrer da leitura.

E é claro, não sei se eu cheguei a comentar com vocês de que eu tinha o sonho de ver o Rush babando em cima do filho?

Se não, digo agora meu sonho desde o começo do livro era ver aquele Rockeiro de tirar o folego, babando em cima de um filho, e isso aconteceu nesse livro!

Tem tantas citações lindas dele sendo um pai coruja que nem sei qual colocar aqui para vocês, mas a mais perto que eu tinha é essa:

“(...) – Oi, carinha, quando é que você vai aprender que quando está escuro a gente deve dormir? – perguntei, debruçando-me sobre o berço para pegá-lo no colo.

Ele se contorceu em meus braços e mexeu a cabeça para conseguir ver melhor meu rosto.

– Está noite você está comigo. A mamãe precisa dormir, mesmo que você não. Você a está deixando exausta.

(...) – Nós vamos ficar balançando e olhando a lua sobre a água até você decidir que está na hora de dormir de novo.

Nate apoiou a cabeça em meu peito quando eu o virei no meu colo e comecei a niná-lo. Imagine o que a cabecinha dele estava pensando em relação à vista. Será que ele queria ir até lá tocar na areia ou sentir a água? Mal podia esperar para que ele conseguisse falar comigo e me dizer o que estava pensando.

Ficamos nos balançando por quase uma hora, o tempo todo eu esperava que ele chorasse por Blaire, mas não. Olhei para baixo e vi suas pálpebras fechadas e a respiração lenta e tranquila. Havíamos vencido aquele despertar sem acordar a mamãe. Fiquei com a sensação de ter realizado alguma coisa importante.

Levei-o lenta e cuidadosamente até o berço e o deitei de novo no colchão. Quando tive certeza de que ele continuaria dormindo, voltei para a cama. Papai fora um sucesso. (...)”

 Espero que amem esse livro, tanto quanto eu, e estou esperando ansiosamente, por mais livros da Abbi, e espero sinceramente que ela foque algum livro no Grant! 

Esse cara merece uma mulher especial na vida dele, como o Woods encontrou a Della.

Enfim vou ficando por aqui,

Até uma próxima, 
Bjs, Nay =D