Simples Perfeição

Título: Simples Perfeição
Série: Rosemary Beach
Volume: 5
Páginas: 208
Autor: Abbi Glines
Ano: 2015
Editora: Arqueiro (cortesia da mesma)
Compre: Submarino - Americanas - Saraiva 
Adicionem: Skoob
Sinopse: Woods teve sua vida traçada desde o berço. Cuidar dos negócios da família, casar com a mulher que os pais escolheram, fingir que riqueza e privilégios eram tudo de que ele necessitava. Então a doce e sensual Della apareceu e conquistou seu coração, abrindo seus olhos para um novo futuro. A vida do casal seguia para um final feliz, até acontecer um imprevisto: a morte do pai de Woods. Da noite para o dia, o rapaz herda o império Kerrington e, embora sempre tenha almejado essa posição, precisará de toda ajuda possível para provar que está à altura de tanta responsabilidade. Della está determinada a ser o apoio de que Woods necessita, mas os fantasmas do passado ainda estão presentes e mais intensos do que nunca. Pressionada pela ex-noiva e pela mãe de Woods, ela toma a decisão mais difícil de sua vida: abdicar da própria felicidade pelo homem que ama. Mas os dois terão a força necessária para seguir em frente um sem o outro? Concluindo a sedutora história de Woods e Della, Simples perfeição é o romance mais surpreendente de Abbi Glines e mostra que encontrar alguém pode ser um golpe do destino, mas descobrir a perfeição ao lado dessa pessoa requer aceitar a si mesmo e superar os piores obstáculos a dois.

Oie pessoal! Tudo bem?

Hoje trago a resenha do livro Simples Perfeição, da autora Abbi Glines, lançado pela editora Arqueiro, cortesia da mesma.

Bom todos aqui sabem que sou fã da Abbi, certo? E que a cada lançamento dela pela editora Arqueiro eu roo as unhas e conto os minutos certo?

Então nesse livro não foi diferente, contei os minutos, roí as unhas, e quase esganei os correios pela demora de me trazerem essa lindeza para mim.

O livro chegou, eu o namorei, namorei mais um pouco e decidi começar a ler o Linguagem das Flores (eu tentei enganar a mim mesma) (adivinhem? Não deu certo!), não nego que até li algumas páginas do Linguagem das Flores, mas não fui mais adiante, o meu coração clamava pelo Woods!  E eu obedeci ao meu coração! – risos.

Enfim, quando resolvi obedecer meu coração eu devorei o livro em um dia, serio mesmo, comecei bem dizer um dia antes, mas não havia lido quase nada, no outro dia devorei o livro, só parei para respirar, comer e ir ao banheiro, de resto minha vida parou de existir até que eu acabasse ele.

Também quando acabei soltei aquele maravilhoso suspiro de quando acabamos um livro muito bom sabem?

Acho que a maioria de vocês conhece mais ou menos a história do Wood e da Della certo?
Então, nesse livro o amor dos dois é posto a prova quando Della escuta uma conversa e acho que estão falando sobre ela, infelizmente como na maioria das vezes nós mulheres somos cabeças duras ela resove ir embora sem pedir explicações!

Graças a Deus Tripp e sua melhor amiga mantém o Woods meio que atualizados dos acontecimentos, durante suas viagens com Tripp, Della descobre segredos de seu passado que mudaram sua visão sobre seus futuro com Woods.

Como eu havia comentado com uma colega blogueira e uma amiga minha sobre esse livro, ele tem uma trama parecida com os outros quatro livros da autora, cada um conta uma história diferente com personagens diferentes, mas todos eles se observarmos bem existe, uma mulher que quer estragar tudo, um dos parceiros é um pouco paranoico, outro protetor de mais e assim vai.

E lendo esse livro notei que as tramas por mais que sejam parecidas cada um deles tem algo de especial para nos passar. E mostra que às vezes se deixarmos nosso passado para trás poderemos viver muito melhor ao lado de quem amamos.

Os livros da Abbi são compostos por narrativas maravilhosas, mas vemos que cada livro, cada história nos faz pensar em nossas vidas, como por exemplo a história da Della veio de uma família complicada, a da Blaire veio de uma família que foi se perdendo aos poucos, mas todas encontraram refugio, uma nova vida com o Woods e com o Rush.

Então bem lá no fundo onde mora uma romântica incurável, torço para encontrar alguém como o Woods, Rush ou Grant, pois com certeza serão caras que nos ajudaram e cuidaram de nós.

Enfim, espero que amem e se divirtam lendo esse livro, pois essa história vai nos fazer chorar, rir, amar e se divertir, e quando acabar a única coisa que iremos pensar é: Por que acabou?

Agora é só contar os minutos para a história do Grant, até lá vamos roer as unhas!!

Até uma próxima,

Bjs, Nay =D