Túneis da Morte

Título: Túneis da Morte
Série: Túneis da Morte
Volume: 1
Páginas: 280
Autor: Niel Bushnell
Ano: 2014
Editora: Jangada (cortesia da mesma)
Compre: Submarino - Americanas - Saraiva 
Adicionem: Skoob
Sinopse: Quando Jack Morrow descobre que não é um menino comum, ele é arrastado quase imediatamente numa aventura surpreendente, muito além de qualquer coisa que um dia tenha imaginado. Isso porque Jack é um Viajante, alguém com a capacidade de viajar através das Necrovias, túneis que ligam cada lápide ao dia em que a pessoa morreu. Ao se ver na Londres devastada pela Segunda Guerra Mundial, na companhia de David, seu avô, na época ainda adolescente, Jack percebe que sua chegada a 1940 não passou despercebida. Forças malignas de um mundo secreto são convocadas a encontrá- lo. Enquanto Jack luta para sobreviver nessa aventura cheia de perigos e surpresas, ele acaba por desvendar o segredo sombrio da sua família, e se empenha, numa corrida contra o tempo, para tentar mudar o seu destino...

Oie pessoal! Tudo bem?

Hoje trago a resenha do livro Túneis da Morte, do autor Niel Bushnell, lançado pela editora Jangada, cortesia da mesma.

Ficção cientifica literalmente é o meu chão! <3

Meu Deus que livro é esse? Se até o autor de Doctor Who, gostou então eu amei ele! (risos)

O livro conta a historia de Jack, um adolescente que descobre de um jeito um pouco complicado que pode viajar no tempo.

Mas não é uma simples viajem no tempo e sim uma viajem por Necrovias! *--*

Bom, para quem não sabe Necrovias são os túmulos dos cemitérios, enfim alguns devem estar se perguntando como isso funciona certo?

Então a coisa é um pouco confusa e estranha, mas funciona desse jeito, o Viajante do Tempo, encosta-se a um tumulo datado de tal ano, ele sente por assim dizer às vibrações que vem dele e nisso viaja para dentro da Necrovia indo parar no ano dela.

E é isso que acontece com Jack, sem querer ele viaja por um Necrovia, vai parar no ano em que sua mãe morreu, e lá ele encontra um homem que se diz ser seu avô, e o manda, para o ano de 1940 no auge da Segunda Guerra Mundial.

Lá ele encontra com o seu avô novamente, só que bem mais novo, e juntos eles passam por poucas e boas até que conhecem Eloise, que se torna uma grande aliada.

Esse livro é muito bom! Estava de olho nele, desde o seu lançamento ano passado, e esse ano resolvi solicita-lo para resenha a editora.

O autor tem uma narrativa maravilhosa, que fez com que eu lesse o livro muito rápido, e olha que estou em uma grande ressaca literária e se esse livro passou por ela sem grandes problemas então ele é realmente bom!

A capa do livro diz muito sobre o seu enredo, ele deixa em evidencia tantos o David quanto o Jack e as Necrovias, o ar sombrio que ele passa, combina com o que sentimos ao ler o livro.

Enfim espero que amem esse livro tanto quanto eu, e fiquem curiosos para saberem o que irá acontecer nos próximos volumes e quem é a Rosa que os personagens têm que salvar!

Até uma próxima,

Bjs, Nay =D