Projeto Poetas Urbanos: Kelvin Korzempa

Oie pessoal! Tudo bem com vocês? O que estão achando do Projeto Poetas Urbanos? Espero que estejam gostando! Hoje apresento um poeta para vocês, espero que gostem =D

Kelvin Korzempa - 20 anos - Ressaca de Palavras - Facebook

Perguntamos para ele inicialmente, qual seria o foco de nossa conversa e ele nos responde:
“Trabalhar e escrever. Escrever é algo que me alegra muito. E trabalhar é necessário. Se um dia eu puder juntar os dois, vou ser uma pessoa muito feliz.”








Questionamos então como era a rotina dele em relação à escrita e ao trabalho:
“Eu tenho bastante tempo livre durante meu serviço. Nesses tempos eu aproveito para escrever algo no bloco de notas do celular ou em algum pedaço de papel. Então eu sempre acabo tendo um tempo pra escrever, sem que isso atrapalhe no trabalho.”
Então curiosos como somos, perguntamos para Kelvin no que ele trabalhava:



“Gerencio um mini mercado”, responde ele, nos dando a deixa então para questionarmos se ele chegava a tirar alguma inspiração no que ele fazia e sua resposta não poderia ser menos divertida:

“Já cheguei a tirar inspirações dos doces ou do saco de gelo. Já cheguei a tirar inspiração das histórias que os clientes me contam e afins também.”







Rindo então questionamos de onde vinham realmente suas inspirações:
“Um poeta nunca revela seus segredos...” responde ele rindo “Ah, é bem difícil falar de onde vem à inspiração. Vem de dentro, de fora, de outras pessoas, de sensações, de frases feitas e desfeitas. Acho que a inspiração tá em tudo.” completa Kelvin.
Perguntamos então se algum escritor que ele gosta lhe inspirou a começar a escrever e Kelvin nos responde:

“Essa é uma pergunta complicada. Eu não tive lá grandes influências de escritores que tem vários livros e afins. Comecei por incentivo de amigos, que acabaram se tornando meus escritores favoritos. Os primeiros foram Renan Magalhães e Bianca Pontes, que me ajudaram muito no início e sempre me incentivaram. Depois vieram a Paula Carolina e o Douglas Salles, que de ídolos também acabaram se tornando grandes amigos.”






Questionamos então, sem ser os escritores citados anteriormente quais eram seus escritores favoritos e novamente um escritor famoso no meio dos Poetas é citado:
“Curto muito Bukowski e Leminski.” responde ele.
E até comentamos com ele que Bukowski é muito citado no meio dos poetas e ele nos da uma resposta curta, mas muito significativa!
“MANO, É BUKOWSKI. O cara é foda.”
Perguntamos então o que lhe fez continuar escrevendo, e com sua resposta enxergamos que não somos os únicos que quase jogamos tudo para cima por causa do desanimo e da vida corrida e que o apoio de todos sempre é muito essencial para continuarmos escrevendo como aconteceu com o Kelvin.

“O gosto pela escrita e o incentivo de amigos. Acho que se não fossem eles me incentivando e dizendo pra eu continuar escrevendo, eu já teria parado.” responde ele “Tem hora que da vontade de jogar tudo pro alto e dar um basta sabe? Principalmente quando a gente não produz nada. Bate uma bad que meu Deus.” continua Kelvin “Eu tava dando tchau pras parcerias do RP quando a Paula apareceu dizendo que ia me ajudar. Acho que eu fiquei tão feliz, que a ideia de desistir da página sumiu.” completa ele.





Ele ainda acrescenta que se fecharmos o RT ele nos daria alguns tapas, para cairmos novamente na real.

E é neste momento que o questionamos de onde surgiu a ideia de criar a sua página no facebook e Kelvin nos responde:
“Eu comecei com blog, mas não deu muito certo. Criei a página sem nem ter noção de edição de imagens. Fui na cara e na coragem. Hoje eu tô muito feliz com o rendimento que ela tá tendo.” 
Perguntamos então de onde surgiu o nome Ressaca de Palavras:
“A ideia do blog é que ele seria meu e de mais dois escritores; Renan Magalhães e Julio Taguchi. Mas acabou que cada um criou sua página/blog individual. Como a ideia do nome Ressaca de Palavras tinha sido minha, eu prossegui com ele, mas já cheguei a pensar em mudar.“ nos responde ele.









Questionamos por fim quem era que fazia as montagens para a página e como a pessoa escolhe as imagens e ele nos responde:
"Sou eu que edito as imagens, procuro sempre escolher alguma que se encaixe com o que as poesias querem passar."  
Não sei vocês mas amo as montagens do Kelvin *--* E abaixo deixo o material inédito que o Poeta disponibilizou para o RT, espero que gostem! =D

Inédito:

Se eu bem-te-vi
Por que malmequer?
Esperou criar raiz
Pra depois vir me dizer
Que só beija-flor
Até se satisfazer
Então migra pra outro jardim
Com lábia de canário
Conquista de rosa a jasmim
Cisca pra todo lado
Não perdoa nem andorinha
Arrasta logo para o ninho
Pena? Nem de galinha
Mas mesmo assim
Prefere voar sozinho
Só que nem sempre foi desse jeito
Ninguém sabia que sabiá
Sabia esconder segredo
Na morada feita de barro
Vivia com Margarida
Que sem duvida nenhuma
Foi o grande amor da sua vida
Só que esse romance
Foi só de estação
Começou na primavera
Acabou no verão
Pobre pássaro
Hoje vê a sua amada
Abraçada com um cravo
Desde então
Vive bicando migalhas
Diz que é feliz como um gavião
Mas na verdade
Mal bate suas asas

Até o próximo post pessoal! Espero que estejam gostando do Projeto!

Bjss, Nay =D

22 comentários:

  1. Oi, Nay!
    Toda vez você trás um poeta diferente. Muito bacana!
    Adorei o poema "Amor de Tortuguita". <3
    Às vezes bate um desânimo e dá vontade de desistir. Fico muito feliz que o Kelvin não desistiu e ainda tem pessoas que o incentivem.
    Ah! Nunca li nada do Bukowski, mas tenho curiosidade. ^^
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Não conhecia o projeto, mas adorei o intuito dele. Eu não conhecia o Kelvin, mas gostei da sua escrita e da entrevista. É tão bom encontrar inspirações no nosso meio social e empresarial. Caso um dia eu também consigo ganhar meu dinheiro com o Desencaixados (amo de paixão) eu ficaria extremamente feliz!

    http://desencaixados.com

    ResponderExcluir
  3. Oieee, estou amando acompanhar o projeto aqui pelo blog e cada vez um poeta diferente e vários contos lindos!!!

    Bs Jany

    http://www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Eu estou adorando acompanhar esse projeto aqui pelo blog, sem contar que é ótimo conhecer novos nomes, contos e um pouco de seu trabalho. É uma ótima iniciativa por conta dos objetivos traçados ou pelos participantes do mesmo, diante de suas divulgações também, que auxiliam bastante nesse processo.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Nay!

    Então, eu não sou a maior entusiasta de poesia que existe, na verdade são raros os poemas que realmente gosto, mas achei o seu projeto legal por apresentar o potencial daqueles que (muito provavelmente) poucas pessoas conhecem, sem contar que isso pode abrir uma janela de oportunidades para esses nomes novos no cenário editorial de serem publicados... Quem sabe?

    Enfim, eu adorei o post e assim como você tentamos ajudar e incentivar autores nacionais no Paraíso Literário e acho que mais blogs deveriam também.

    Beijinhos.
    Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  6. Oie

    Adorei seu projeto de trazer poetas e bem interessante ajudar aos outros e incetiva - los , que pena que não existe tantas pessoas como você :) faz um belo trabalho bjs ...
    http://jesscastrojc.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Adoro esses projetos de divulgação de autores nacionais. Não conhecia o trabalho do Kelvin e achei fantástico!

    bjos
    www.causoseprosas.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Nay!
    Adorei conhecer um pouco sobre o autor. Eu não tenho muitas referências para o gênero poético, mas estou dando uma chance de conhecer melhor! É algo tão lindo, que é impossível não gostar!

    Beijos, Lorena

    ResponderExcluir
  9. Eu gosto muito de poesia, e quanto mais leio algo contemporâneo, mais atual, mais empolgada eu fico em relação ao que os versos nos trazem. Adorei os que voc~e trouxe e o projeto é digno de palmas.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Eu nem sou lá muito chegada a poesia, mas adorei conhecer o seu projeto.

    Adorei as poesias que ilustraram o post, me lembraram do indiretas do bem que eu simplesmente amo.

    Achei muito incrível você dar espaço para autores no seu blog, normalmente a gente deixa a rotina de manter isso tudo aqui em ordem e quase não dedica tempo para as iniciativas bacanas como essa. Parabéns!

    E parabéns Kelvin também, pelo talento com as palavras.

    Beijos
    Tiffannyk
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  11. Nay tudo bem?
    Amo quando vc traz Projeto Poetas Urbanos!me identifico tanto com as poesias que são postadas!a de hoje me apaixonei pelas montagens hiper a ver com a poesia muito lindo

    ResponderExcluir
  12. Olá!! :)

    Eu não conhecia o poeta, mas ainda bem que estas com o projeto, bem bacan devo dizer!! :)

    Bem, acho ótimo que ele va buscar inspiração ate ao doce ou ao saco de gelo!! ahah Trabalhar a escrever e mesmo um sonho! :P

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  13. Oiee ^^
    Adorei "Amor de tortuguita" ♥ deve ser um ritual do país inteiro comer os pezinhos e as mãozinhas, depois a cabeça e depois o corpo...haha' Ainda não conhecia o Kelvin, mas gostei das respostas dele, e gostei ainda mais de seus textos ♥
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi.
    Eu já tinha falado que gostei muito da idéia do projeto.
    E realmente fez com que eu me interessasse mais por poesia.
    São muito autores nacionais bons que merecem reconhecimento.
    Gostei muito dos poemas e das montagens do Kelvin. Adorei esse jogo usando o duplo sentido das palavras.

    ResponderExcluir
  15. Oi.
    Eu já tinha falado que gostei muito da idéia do projeto.
    E realmente fez com que eu me interessasse mais por poesia.
    São muito autores nacionais bons que merecem reconhecimento.
    Gostei muito dos poemas e das montagens do Kelvin. Adorei esse jogo usando o duplo sentido das palavras.

    ResponderExcluir
  16. Olá, gosto muito deste projeto aqui no blog, assim conhecemos cada vez mais poetas que estão por ai perdidos. Não conhecia este ainda, mais gostei de sua divagações e pensamentos, até mesmo me identifiquei com alguns.

    ResponderExcluir
  17. Olá,

    É a primeira vez que estou acessando essa coluna e achei muito bacana a ideia. Assim, nós temos a oportunidade de conhecer novos escritores, e eu adoro conhecer coisas e pessoas novas *---*
    Ainda não conhecia o trabalho do Kelvin, mas achei bem legal ele curte Bukowski, eu curto e sou muito fã dele <3

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oi,tudo bem?
    Eu confesso que dificilmente leio poesias eque não conhecia o Kelvin, mas gostei bastante de conferir a entrevista, pois ele foi bem simpático e suas perguntas estavam ótimas. Eu não escrevo, mas gostei dele falar que a inspiração vem de tudo, pois acredito nisso também.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  19. Estou gostando muito desse projeto! É muito interessante conhecer quem são nossos poetas da atualidade, especialmente aqueles que estão começando a sair da obscuridade.

    E por favor, que ele não mude o nome! É bem interessante esse efeito de ressaca que as palavras podem nos causar, acredito que ele capta bem o título!

    Ótima entrevista!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  20. Confesso que não gosto muito de poemas, mas bem interessante esse Projeto Poetas Urbanos, parabéns pela iniciativa

    ResponderExcluir
  21. Pude acompanhar em outros blogs esse projeto e achei muito bacana. Até mesmo porque a ideia de se ter poemas pela cidade é novo. São poucas as pessoas que curtem poesia, então encontrar jovens e leitores que apreciem e coloquem a mão na massa não é tão fácil.

    ResponderExcluir
  22. Olá!

    Eu ainda não conhecia o seu projeto e eu não poderia ter achado ele mais interessante. Gostei muito mesmo.
    O poeta da vez me pareceu muito simpático e as respostas dele realmente refletem essa alma de poeta.
    O poema no final da matéria é lindo, gostei muito. Parabéns por esse incentivo que você está dando a esses portas através do seu blog.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    ResponderExcluir