Qualquer Cachorro, menos Kombi!

Hey pessoal! Mais uma cobertura de eventos que se não fosse pela minha teimosia poderia ter sido show (post), mas concertando os próprios erros aqui está ela novamente, espero que gostem! =D

Como vocês podem ver o título desse post não faz sentindo nenhum, mas podem ter certeza prefiro qualquer cachorro a uma Kombi, mas vou explicar o por que dele logo logo.

No dia 31 de Julho de 2016, aconteceu em Fazenda Souza, Rio Grande do Sul, o 2º Encontro de Fuscas e Derivados e o 1º Encontro de Carros Antigos, na celebração da Festa do Agricultor e eu já nem sou apaixonada por carros antigos, que incomodei tanto meu pai que fomos para lá para prestigiar o evento.









Saímos do meu bairro ai pelas 10h30min e chegamos lá aí pelo Meio Dia, 13 hora da tarde, bom imaginem um local que estava repleto de Fuscas, eles tiveram mais ou menos 340 inscrições tanto de Fuscas e Derivados, quanto dos Carros Antigos, o local estava cheio.
Quem queria deixar em exposição os carros pagava R$30,00 (Trinta Reais), ganhava um Kit com camiseta entre outras coisas e concorria a um Fusca, todos os carros tinham identificação: nome do proprietário, modelo, ano  e o club ao qual participavam.
O que mais tinha no evento era Fusca, meu Deus nunca vi tanto Fusca junto como naquele dia, muitos eram rebaixados, modificados etc, mas sempre se mantiveram ao modelo original, de vários anos e cores, estado então, alguns estavam inteiros, outros os donos enferrujaram eles - não sei ai onde vocês moram, mas aqui a "moda" da vez é os Fuscas enferrujados (infelizmente), mas uma galera curte o jeito que eles ficam - e alguns estavam muito modificados, que a gente chegava a se surpreender com a criatividade deles.

No local podíamos observar que ele era mais ou menos dividido em quatro locais: um com Fuscas, Derivados e Kombis, o outro com os carros Antigos: desde Opalas até camionetes, o outro somente com Fuscas e por último um só com Kombis e Opalas, acredito que não era uma divisão pré selecionada, mas sim no que melhor se ajeitaram.






















Todos no local se conheciam podíamos notar isso na confraternização e  no companheirismos deles, todos ficavam por perto, conversavam e almoçavam juntos e isso ficava mais claro ainda na saída deles do local: saiam sempre um ou dois juntos e se mantinham perto um do outro até seus destinos. 

Outra coisa que também notávamos bastante era a quantidade de Fuscas empenhados na estrada, meu Deus era um a cada um Quilometro - dramática que só eu u.u - mas serio pessoal, acho que tinha mais ou menos uns quatro Fuscas empenhados na hora que eu e meu pai fomos embora.
Uma coisa que não pude deixar de notar na exposição eram os cartazes convidando para os próximos eventos do gênero e eu claro tirei foto de todos para tentar comparecer! (risos) 
Durante o evento também prestigiamos um grupo de Teatro de Rua, representando Mobi Dick em cima de um Fusca, nossa que vontade de abraçar eles e dar os parabéns pessoalmente para eles, tirando claro que o Fusca era todo modificado para o Teatro, foi muito show acompanhar a apresentação deles.
Como o encontro aconteceu na Festa do Agricultor de Fazenda Souza, podemos então acompanhar o Desfile em comemoração ao dia de varias localidades, como Galopolis, Ana Rech, da Própria Fazenda Souza entre outros distritos convidados, eu curti muito o desfile pela simplicidade das apresentações, acredito que eles conseguiram passar o objetivo deles melhor que o pessoal que organiza uma festa grande como a Festa da Uva, não que essa não seja boa, mas a simplicidade daquele desfile bateu todas as minhas expectativas. 
O desfile aconteceu na rua principal de Fazenda Souza, e perto de uma pracinha muito simpática e eu como uma fã de Igrejas que só eu, não pude deixar de tirar uma foto dela, serio ela é lindinha né pessoal!? *--*
Foi com certeza um fim de semana muito bom, estava ensolarado, ver um monte de carros antigos fechou com chave de ouro aquele dia.

Ah e antes que eu me esqueça, em relação ao título aconteceu o seguinte: eu e meu pai estávamos caminhando pelo local e ele mexeu comigo por que não curto Kombis, abomino elas, mas elas tem seus valores também não nego e quando eu fui rebater o que ele havia falado eu estava olhando para um cachorro atrás de mim e naquilo eu solto: Ai pai! Qualquer cachorro, menos uma Kombi! 




Imaginem uma pessoa que falou isso muito, mas muito indignada e que quando se tocou do que havia falado já era tarde de mais e seu pai estava rindo da sua cara. Não pude fazer muita coisa a não ser rir junto da minha pérola! (risos)

Bom pessoal! Espero que tenham gostado, ele saiu um pouco da temática livros como o primeiro que foi ao ar, mas de boa quem não gosta de um carro antigo?


Bjss, Nay =D

12 comentários:

  1. Oi Nay, Tudo bem? Achei bacana sua crônica, mesmo que o título não dê nenhuma pista do que se trata. (risos) Eu sou fã de carros antigos e esses eventos acredito que são muito show. É uma pena que por aqui é raro um evento desses. Parabéns pela boa crônica e por divulgar o evento em si. Bom trabalho! Como sempre falo, seu blog é um dos melhores que conheço e sempre traz novidades que vale a pena nós, leitores, conferirmos. Abraços! Tudo de bom! Vá Além!

    ResponderExcluir
  2. Oi Nay!
    Eu sou apaixonada por Kombi, um amor muito grande mesmo! Sonho em ter uma azul com branco, daquelas bem retrô haha E um Fusca rosa, pra divar!
    Gostei muito do post
    Beijos, Lorena

    ResponderExcluir
  3. Nay, amei a crônica, acho os carros antigos fascinantes.
    Arrasou, beijos

    http://mentesdamadrugada.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Nay, tudo bem?
    Adorei o post! Eu sou apaixonada em carros antigos, acho que eles tem muito charme. Infelizmente por aqui não se vê muitos deles, e muito menos tem uma exposição como essa, mas seria uma boa se tivesse.

    ResponderExcluir
  5. Adorei! O final me surpreendeu completamente kkkkk Eu não entendo muito de carros, sejam eles antigos ou não (risos), mas sei admirar, por exemplo, o charme de um opala kkkkkk Além disso, tenho um irmão viciado em carros antigos!

    ResponderExcluir
  6. Oie,

    Não costumo ir a encontros de carros antigos, a não ser que seja na cidade onde moro, aí dou uma passada. Meu marido gosta bastante!!!
    Eu gosto de kombi! :P
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Amei o texto Nay!
    Aqui em PE-Recife cim certeza deve ter essas exposições de carros antigos, mas já que essa não é minha "praia" eu não sei dizer(risos). Você disse lá em cima sobre uma das suas paixões que são as igrejas,super me identifiquei! pois amo essas igrejas, principalmente as antigas. Aqui em PE tem MUITAS igrejas católicas muito belas,se você vim aqui algum dia você irá se apaixonar pelas maravilhosas igrejas. Parabéns pelo post♥ (e saiba que tenho um amor pelas kombis! Gosto daquelas bem hippes♡)

    ResponderExcluir
  8. Gostei do seu texto. Esses carros antigos são lindos.

    ResponderExcluir
  9. Adorei a crônica! O final foi surpreendente kkkkk
    Fui uma vez em um encontro de carros antigos e amei, todos bem conservados. Adoro Kombis, me lembram viagens, bjs

    ResponderExcluir
  10. Adorei sua crônica... Também prefiro cachorros à Kombis kkkkkkk
    Bjs
    Amanda Nery
    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  11. O título realmente foi um mistério, porém, bem explicado no final! Pérolas de Naylane kk, até imaginei sua cara.
    Aqui na minha cidade podia ter esse tipo de evento, acho que nunca teve, muito bacana. Adoro fuscas, mas os bens conservados... a moda dos "enferrujados" ainda não chegou aqui (tomara que não chegue, só de pensar já me dá tétano kkkkkk).
    Faça mais posts assim, que ficam super bacanas!
    Bjoos da pandinha aqui :D

    ResponderExcluir
  12. (comentando de novo, porque o blogger bugou T-T)
    Poxa, que post bacana! Na minha cidade não tem esses eventos. Faz muuuito tempo desde a última vez que vi um fusca, pra tu ver uma noção! :o kkkkk E geeente, que engraçado! hahaaha Nossa mente prega peças algumas vezes e acabamos soltando essas "pérolas". Muito divertido, Nay! Adorei! bjs

    ResponderExcluir